Utilizadores da BabyLoop vão poder doar receita à Ajuda de Berço

Os portugueses que recorrem à BabyLoop para vender os artigos de puericultura de que já não precisam terão a oportunidade, a partir de agora, de doar a receita à Ajuda de Berço. A plataforma idealizada por Carolina Patrocínio decidiu dar uma nova opção – mais solidária – aos utilizadores.

O donativo do valor das vendas é automático – se os utilizadores assim o desejarem – e permite apoiar uma instituição dedicada ao acolhimento temporário de crianças até aos três anos. Em breve, os clientes também poderão arredondar o valor da compra de modo a que o excedente chegue à Ajuda de Berço.

«Acreditamos convictamente que a BabyLoop vem dar resposta a uma questão social, na medida em que alia a promoção de hábitos de consumo conscientes e sustentáveis a uma janela de oportunidade para as famílias preparem a chegada de um bebé com maior tranquilidade», comenta Ricardo Morgado, director executivo da BabyLoop. A parceria com a Ajuda de Berço reforça o cariz social do projecto.

Desde que foi lançada em Janeiro, a BabyLoop já recebeu mais de três mil pedidos de avaliação e as compras realizadas permitiram às famílias poupar 40 mil euros em produtos de bebé. A plataforma garante também ter facilitado a reutilização de 3,5 toneladas de material.

«Este modelo é completamente inovador no mercado e precisávamos de o validar. Neste momento, a BabyLoop passou a fase piloto e acredito que o nosso objectivo está a ser cumprido com distinção. Sentimos que as famílias se juntaram a nós nesta missão de reutilização com muito empenho, que perceberam a sua importância e os seus benefícios, económicos e para o ambiente», acrescenta Ricardo Morgado, em comunicado.

O futuro da BabyLoop passará também pela criação de um espaço online em parceria com a médica pediatra Marta Mesquisa. O objectivo será responder às principais dúvidas dos pais relativamente aos cuidados a ter nos primeiros meses de vida, alimentação e amamentação, entre outros temas.

Além disso, a BabyLoop está a preparar novas opções de pagamento (prestações sem juros) e a possibilidade de alugar equipamentos.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Automonitor
Produção de carros em outubro quase nos 15%