Universidade de Aveiro testa roupa electrónica

E se as peças de roupa pudessem ser ecrãs tácteis? A Universidade de Aveiro está a testar uma técnica que permite entrelaçar fibras totalmente electrónicas em tecidos têxteis, criando uma nova categoria de vestuário. Segundo a instituição de ensino, a descoberta dos seus investigadores pode “revolucionar a criação de dispostivos electrónicos vestíveis (wearables) para uso numa variedade de aplicações diárias, desde o acesso ao correio electrónico até aos diagnósticos médicos”.

Actualmente, já existem alguns projectos de roupa electrónica mas que recorrem à colagem de dispositivos nos próprios tecidos. Isto faz com que o resultado sejam peças rígidas e com potencial para se estragarem facilmente.

Com a solução criada na Universidade de Aveiro, deverá ser possível fabricar camisas, casacos, calças e roupa interior com a componente electrónica no seu interior. Desta forma, o próprio tecido será capaz de mostrar imagens e sinais luminosos, como se de um ecrã se tratasse.

A Universidade de Aveiro está a trabalhar neste projecto em colaboração com o CICECO – Instituto de Materiais de Aveiro, centro de investigação em têxteis Centexbel (Bélgica) e Universidade de Exeter (Inglaterra).

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Primeiro Porsche 911: Uma obra-prima alemã