Trienal de Arquitectura lança crowdfunding para dar vida a livro para crianças cegas

Um livro para crianças dos seis aos 10 anos, com ilustrações tácteis e em relevo e, além disso, texto em Braille. É esta a premissa de “Uma casa é uma montanha é um chapéu”, obra que está a ser criada pelo Serviço Educativo da Trienal de Arquitectura de Lisboa em parceria com a Planeta Tangerina e a Locus Acesso.

Para tornar o livro realidade – e garantir a impressão a um preço acessível –, a Trienal lançou uma campanha de crowdfunding, a decorrer até dia 31 de Maio, na plataforma PPL. Neste momento, foi angariado o equivalente a 35% do montante necessário: 4500 euros.

A descrição técnica de “Uma casa é uma montanha é um chapéu” revela que esta é uma obra pensada para leitores em início das aprendizagens da leitura e do estudo sistemático do meio físico e cultural, podendo ser lido por crianças cegas ou com baixa visão. No fundo, trata-se de um álbum ilustrado sobre a cara, com cores e alto relevo.

“É um livro para ver, mas também para ler e sentir de maneiras diferentes, como a arquitectura”, indica a Trienal, sublinhando que “existem álbuns divertidos que mostram a arquitectura de variadíssimas formas, mas a oferta de livros apelativos para crianças cegas ou com baixa visão é muito escassa em Portugal”.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...