Toys “R” Us processada por antigo fornecedor de tablets

A Fuhu, fabricante do tablet para crianças Nabi, interpôs um processo contra a antiga distribuidora exclusiva do seu produto, a Toys “R” Us, depois de a marca americana de brinquedos ter anunciado o lançamento de um tablet de marca própria. A Fuhu acusa a Toys “R” Us de violação de marca registada, quebra de contrato e de se ter apropriado da estratégia da empresa no mercado dos tablets.

No processo, apresentado hoje no tribunal de San Diego, Califórnia (Estados Unidos), a Fuhu acusa ainda a Toys “R” Us de não ter comercializado e promovido o tablet Nabi tal como tinha prometido. Ao anunciar o seu tablet de marca própria, o Tabeo, a Toys “R” Us “entrou em competição directa com a Fuhu, utilizando sem qualquer vergonha informação confidencial da empresa, obtida por via de um contrato fraudulento de distribuição exclusiva assinado em Outubro de 2011… onde prometia milhões de dólares em marketing, merchandising e vendas”, acusa a Fuhu no documento, citado pela revista Advertising Age.

Segundo a fabricante, a Toyr “R” Us “comunicou que as pré-encomendas [do Nabi] estavam a correr a um rimo médio de mil unidades a cada três horas no momento em que deixou de aceitar pré-encomendas, e que a procura deveria suportar vendas de 20 mil unidades por dia no seu website”, números que não se observavam desde o lançamento da consola Wii, da Nintendo. Porém, a Toys “R” Us nem sequer encomendou tablets suficientes para satisfazer essa procura, “por razões que não entendemos na altura”, explica a Fuhu.

A empresa alega ainda que o Tabeo é uma «cópia» do Nabi, levando o processo para o campo da propriedade intelectual. A Toys “R” Us «pegou no conceito do nosso tablet de primeira geração, replicou-o e copiou-o», acusa Jim Mitchell, presidente executivo da Fuhu.

Com o processo, a fabricante pretende a suspensão imediata das vendas do Tabeo, que apenas será lançado no mercado a 21 de Outubro em exclusivo nas lojas da Toys “R” Us, mas está já disponível para pré-encomenda no site da empresa.

Entretanto, a Fuhu apresentou o seu segundo tablet, o Nabi 2, que, tal como o modelo anterior (e o Tabeo), está equipado com sistema operativo Android. O dispositivo deverá concorrer com o Tabeo depois do seu lançamento, previsto para o próximo mês.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Human Resources ultrapassa marca dos 115 000 seguidores no LinkedIn
Automonitor
Vídeo: Mesa redonda da 2ª conferência do AUTOMONITOR