TMN e Samsung apresentam histórias infinitas

Campanha TMN_2Para promover o Samsung Galaxy S4, a TMN convidou três realizadores portugueses para produzirem três spots publicitários. João Nuno Pinto, Leonel Vieira e Marco Martins tiveram carta branca por parte da operadora para criar as suas próprias histórias, dentro de um budget pré-definido. A campanha Uma História Infinita arranca amanhã em televisão, internet e imprensa.

Na apresentação, que decorreu esta manhã em Lisboa, Luís Avelar, administrador da PT, garantiu que esta é uma campanha «inovadora» no mercado português, uma vez que os três realizadores filmaram de forma completamente independente, sem contacto uns com os outros. A marca definiu apenas um budget para cada realizador e produtora, tornado esta uma campanha “sem briefings fechados, sem aprovações formais e sem Pre Production Meetings (PPM’s)”, assegura a TMN em nota de imprensa.

No entanto, a marca apresentou algumas condições para estruturar a campanha. Aos três realizadores foi pedido que cada história integrasse o conceito “há coisas que vais querer contar a toda a gente”, que tem norteado as campanhas da TMN desde o início do ano. «Contar histórias é a costela de Adão da TMN», sublinhou Luís Avelar.

A campanha tem como mote a “História Infinita”, conceito criado pela Ogilvy & Mather para criar uma linha condutora dos três filmes: no início de cada filme um smartphone Galaxy Samsung S4 chega às mãos do protagonista , que no final volta a perdê-lo. Os filmes teriam ainda que basear-se numa das funcionalidades do smartphone, nomeadamente Sound & Shot (fotografias com som), Cinema Photo (selecionar parte de uma imagem em movimento) e Smart Pause (a imagem pára quando o utilizador desvia o olhar).

Os filmes têm produção da Garage, da Spotline e da Ministério dos Filmes, e foram gravados em apenas duas semanas.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)