thyssenkrupp dá dicas para quebrar o gelo no elevador

Sabia que a última sexta-feira de Julho é Dia de Falar no Elevador? Quem o diz é a thyssenkrupp, que aproveita a data para dar algumas dicas sobre como quebrar o gelo e pôr um ponto final nas viagens em silêncio – muitas vezes, constrangedor.

Segundo um estudo elabora pela thyssenkrupp Elevator, 66% das pessoas admite não falar quando está num elevador, apesar de se contarem mais de sete mil milhões de viagens diárias em todo o mundo. Entre os inquiridos, 23% assume não falar porque não gosta de interagir com estranhos e 17% diz evitar entrar num elevador quando está lá alguém que lhe desagrada.

«Os edifícios estão cada vez maiores e, nos dias que correm, passamos grande parte do nosso tempo em elevadores. Porque não aproveitar esses momentos para conversar? Quem sabe o que pode surgir a partir da!», comenta Luis Ramos, responsável de Comunicação da thyssenkrupp Elevator

É deste pressuposto que nasce o “Elevator Conversation Starter Guide”:

1 piso: para viagens de apenas um piso, o conselho passa por manter as coisas simples. Perguntar como está a correr o dia, quais os planos para o fim-de-semana ou se há férias no horizonte;

2-3 pisos: se a viagem for ligeiramente mais longa, poderá ser boa ideia conhecer melhor os companheiros de elevador, nomeadamente o local onde cresceram, o momento do qual têm mais orgulho ou quais as férias de sonho;

4-5 pisos: está na hora de pensar fora da caixa e lançar alguns desafios. Se pudesse escolher um novo nome para si, qual seria e porquê? Com o que é que sonha diariamente? Se pudesse conhecer alguém independentemente da época, quem seria?

6-7 pisos: uma viagem com seis ou sete pisos já permitem perguntas mais pessoas, incluindo qual o melhor conselho já recebido qual a prioridade na lista de desejos;

+8 pisos: quando se está com a mesma pessoa por mais de oito pisos, a thyssenkrupp aconselha a adoptar a filosofia do elevador. Isto significa perguntar se um elevador pode ser os nossos pensamentos.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Esta ferramenta promete vir revolucionar a Segurança e Saúde no Trabalho
Automonitor
Está grávida? Veja o que deve (e não deve) fazer se for conduzir