Sumol+Compal com fábrica em Moçambique

sumol-compal-redimensionadaA Sumol+Compal inaugurou hoje a sua primeira fábrica fora de Portugal, em Moçambique, nos arredores de Maputo. Segundo anunciou a empresa trata-se de um investimento de 10,4 milhões de dólares (oito milhões de euros).

A nova unidade industrial, em Boane, “é a primeira que a empresa possui fora de Portugal” e “marca o início da actividade industrial no continente africano”, adianta a empresa em comunicado, referindo que a fábrica de Boane terá uma capacidade instalada de 30 milhões de litros anuais, para servir um mercado de 170 milhões de habitantes.

Esta aposta “concretiza o desejo” da Sumol+Compal “de iniciar a actividade industrial no continente africano, uma das áreas prioritárias nos esforços de internacionalização da empresa”.

Segundo o Oje, a escolha de Moçambique prende-se com o facto de o país “reunir as condições essenciais oferecidas a um investidor estrangeiro e pela sua posição geoestratégica na África Austral”.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Luís Araújo é o keynote speaker da XVIII Conferência Human Resources
Automonitor
Vídeo: Intervenção de Miguel Rodrigues na 2ª Conferência AUTOMONITOR