Segurança no Facebook criará 3 mil novos postos de trabalho

O número de vídeos no Facebook, tanto em directo como publicados depois, em que pessoas se magoam a si próprias ou surgem a maltratar outros está a preocupar Mark Zuckerberg, co-fundador e CEO do Facebook. Numa publicação na sua página, o responsável avança que a rede social vai contratar três mil novos colaboradores para tentar resolver o problema

«Para construir uma comunidade segura, é necessário responder rapidamente a este tipo de situações», refere Mark Zuckerberg. O responsável conta que as novas contratações vão decorrer ao longo do próximo ano e que se vão juntar à actual equipa de 4500 colaboradores. A sua função será rever os milhões de conteúdos reportados todas as semanas pelos utilizadores.

O Facebook quer também melhorar este processo, tornando mais fácil a sinalização deste tipo de vídeos. Assim, poderá responder mais rápido, seja essa resposta o encaminhamento do utilizador para a ajuda de que precisa ou a eliminação da publicação.

Além de verificar as queixas referentes a este tipo de vídeos, os novos três mil colaboradores do Facebook terão como missão ajudar a limpar a rede social, removendo quaisquer conteúdos que apresentem discurso promotor de ódio e exploração infantil.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Desafio Global reforça equipa
Automonitor
Foi mandado parar numa operação STOP? conheça os seus direitos e deveres