SEAT muda estratégia a 180º

SEAT_rsÉ uma das marcas automóveis a tentar recuperar o fôlego no mercado português, depois da hecatombe de 2012. Desde então, «a nossa aposta é esta: produto e mais produto», diz Marc Bisbe, director-geral da SEAT

Texto de Daniel Almeida, em Barcelona

2012 foi um ano negro para o mercado automóvel português, que registou uma quebra de 37,9% das vendas de veículos ligeiros de passageiros (para apenas 95 290 unidades) e a que nenhuma marca ficou imune. De resto, e segundo os dados da Associação Automóvel de Portugal (ACAP), é preciso recuar até 1985 para encontrar um registo tão negativo nas vendas de automóveis novos!

Para ler o artigo na íntegra, consulte a edição de Fevereiro de 2014 da revista Marketeer.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Portugal atraiu 610 estrangeiros «altamente qualificados» através deste programa
Automonitor
Regulamento da mobilidade elétrica obriga a celebrar contratos de adesão