Santa Casa repara casas de idosos carenciados

Tem, hoje, início a segunda fase da edição de 2015 da Reparar, acção de voluntariado de reparações solidárias promovida pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. Até ao final do ano, está prevista a intervenção em 30 casas, sendo que a nova edição começa com a recuperação de uma casa na freguesia da Pena, na Zona de Arroios, lar de um utente de 80 anos da Santa Casa.

A Santa Casa anuncia ainda, em comunicado, que o período de concretização da acção aumentou de dois para seis meses para que mais pessoas pudessem ser apoiadas. Para esta primeira casa da segunda fase da iniciativa, participam sete voluntários da Comfort Keepers mas a lista de empresas apadrinhadoras da Reparar inclui ainda a EDP, a Fundação PT, a Gertal, o Grupo Brodheim, a Iberlim, a Leroy Merlin, a Strong e o Grupo San José, entre outras.

Durante as três edições anteriores da Reparar, foram recuperadas 77 casas de utentes da Santa Casa. Para levar a cabo as intervenções, a acção contou com 853 voluntários de 45 empresas que dedicaram 6744 horas à acção. O investimento total rondou os 300 mil euros.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Estas 85 empresas procuram mais de 2500 novos talentos
Automonitor
Já conhece o “novo ingrediente” de Gordon Ramsey?