Samsung (outra vez) com lucros recorde

Samsung galaxyNo dia em que começa a comercializar o seu novo smartphone, o Galaxy S4, a Samsung Electronics anunciou lucros recorde de 7,15 biliões de wons (aproximadamente 4,94 mil milhões de euros) no primeiro trimestre, mais 42% em relação ao período homólogo do ano passado. Este é já o sexto semestre consecutivo em que a empresa reporta um aumento dos lucros.

Entre Janeiro e Março, o lucro operacional da tecnológica sul-coreana subiu 54%, para 8,78 biliões de wons (6,07 mil milhões de euros), enquanto as receitas subiram 16,8%, para 52,9 biliões de wons (3,66 mil milhões de euros), anunciou hoje a empresa em nota de imprensa. O negócio de telefones e equipamentos de telecomunicações representou 74% do lucro operacional no primeiro trimestre.

A Samsung nunca revela pormenores sobre o volume de vendas no negócio dos smartphones. Porém, de acordo com as estimativas da analista de mercado Strategy Analytics, a gigante tecnológica terá aumentado as vendas em 54%, para 69,4 milhões de equipamentos, o que representa sensivelmente o dobro dos dispositivos vendidos pela rival Apple (37,4 milhões de unidades) – que anunciou, recentemente, a primeira quebra dos lucros em 10 anos.

Apesar de se manter a maior fabricante de smartphones do mundo, a Samsung está, porém, longe da Apple em rentabilidade, ficando duas vezes abaixo da concorrente norte-americana no que toca à margem operacional. E é precisamente com o objectivo de concorrer com o iPhone que a empresa lança o Galaxy S4, cuja grande novidade é a possibilidade de controlar o dispositivo sem utilizar os dedos, graças a um conjunto de sistemas que detectam o rosto, a voz e os movimentos do utilizador.

No entanto, a empresa enfrenta algumas contrariedades, depois de, ao longo desta semana, alguns distribuidores da marca nos EUA terem chamado a atenção para um atraso no fornecimento do novo produto, o que poderá atrasar a chegada do S4 às prateleiras e, consequentemente, afectar as vendas da empresa neste trimestre. A Samsung atribuiu o atraso à forte procura pelo dispositivo e a problemas de stock. Em Portugal, o S4 estará disponível a partir de amanhã.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
O impacto da Inteligência Emocional nas empresas
Automonitor
História: O dia em que o Papamóvel foi salvo