Ricardo Monteiro sobe a presidente executivo da Havas Worldwide

Ricardo MonteiroCom a saída de David Jones do grupo Havas para prosseguir um projeto pessoal na área das novas tecnologias, Yannick Bolloré, PDG do grupo Havas annunciou que Andrew Bennet, CEO da América do Norte passa a CEO da Havas Creative e Ricardo Monteiro assume a Presidência executiva da Havas Worldwide junto com Kate Robertson, até aqui CEO da empresa no Reino Unido.

Ricardo Monteiro explicou à Marketeer que, na sua essência, acumulará as funções de Presidente da Havas Worldwide com aquelas que desempenhava até agora. Recorde-se que o publicitário ocupava já o cargo de CEO da EuroRSCG em Portugal, Espanha e Brasil, função que acumulava com a de CEO da EuroRSCG para a região ibero-americana. No entanto o profissional esclarece que estará «mais envolvido na relação com clientes globais bem como na sua gestão e também na adequação das estruturas regionais e locais» à demanda que recebem dos clientes.

Ricardo Monteiro sublinha: «Não haverá qualquer alteração nos países na sequência desta mudança, pelo menos de imediato, e nenhuma em Portugal que tem uma equipe de gestão cimentada há muitos anos, com o Dr. Miguel Barros à frente da Fuel, hoje a maior agência do País, o Dr. João Paulo Ferreira como vice-presidente executivo da Havas Worldwide e CEO da Havas digital, o Dr. Pedro Graça como CEO da Havas Worldwide e o Eugénio Chorão como CEO da Havas Design+. O Dr. Miguel Horta e Costa mantém também a sua posição de vice-presidente para o desenvolvimento do negócio e o Eng. Rui Lourenço é o Chief Creative Officer.»

O profissional que agora assume a Presidência executiva da Havas Worldwide refere que «a Havas tem hoje as agências número 1 (Fuel) e número 2 (Havas Worldwide) de Portugal e continua sendo um exemplo de gestão no nosso universo. A qualidade, diversidade e integração da nossa oferta também são modelo a seguir».

Segundo Ricardo Monteiro, foram encerradas há dias o exercício de 2013 e, «felizmente, retomámos o caminho do crescimento perdido há dois ou três anos, impulsionados pela Fuel e pela Havas Digital». E vai mais longe: «Vivemos um bom momento em Portugal de cujas agências muito me orgulho.»

O gestor acredita que haverá em 2014 um “franco crescimento” e que «Portugal, ainda que amparado pelas instâncias internacionais, verá finalmente um pouco dos seus sacrifícios aliviados». Será um ano que, segundo Ricardo Monteiro, «passaremos a ter um pequeno contínuo de melhores notícias na economia e, sobretudo, no emprego».

A Havas é o quinto maior grupo de comunicação mundial. No seu portfolio contam-se marcas como PSA, Reckitt Benckiser, Sanofi-Aventis, Air France, LG, Hyundai, Hershey’s, Danone, LVMH, Pernod-Ricard, IBM e Mondelez. Em Portugal, a Havas gere, entre outras, as contas das marcas da Sonae, Unicer, Banco Santander, Santa Casa da Misericórdia, Peugeot, Citroën, Banco Best, Artsana, Toshiba, Izibuild, Turismo de Lisboa, McDonald’s.

Texto de Maria João Lima

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Esta ferramenta promete vir revolucionar a Segurança e Saúde no Trabalho
Automonitor
AUTOBEST 2020: Novo Opel Corsa é um dos finalista