Red – We Like it Raw a caminho de Cascais (e não só)

De cinco em cinco meses. É este o ritmo de inaugurações previsto pela Red – We Like it Raw relativamente à sua marca de restauração, em que o rosbife é a estrela principal. A cadeia conta, para já, apenas com dois contentores nas zonas de Santos e dos Prazeres, em Lisboa, mas vai estrear-se já em Julho no mundo dos food courts.

O CascaiShopping é o local escolhido para acolher este primeiro espaço dentro de portas da Red – We Like it Raw. A partir daqui, abrirá um novo restaurante de cinco em cinco meses, até ao final de 2018. Pelo menos é esse o plano de negócios que tem como objectivo último “massificar o consumo de rosbife”.

Para este ano, a marca prevê uma facturação de cerca de 700 mil euros e um investimento na ordem dos 300 mil euros, tendo em conta as aberturas planeadas. A Red – We Like it Raw ambiciona ainda aumentar a equipa, passando de 15 pessoas para entre 40 e 50, segundo avança em comunicado.

Miguel Marecos e Paulo Lima são os responsáveis por esta marca, tendo decidido partir para a aventura de uma insígnia própria após levarem a Lisboa a maioria dos espaços franchisados 100 Montaditos. «Paralelamente à nossa experiência na área da restauração com um franchising de sucesso, desde sempre quisemos criar uma marca independente e icónica de monoproduto, que fosse multifacetada em termos de combinações», explica a dupla.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Esta ferramenta promete vir revolucionar a Segurança e Saúde no Trabalho
Automonitor
EMEL deixa mais de 120 pessoas à espera de lugar por causa de artista