Dois trabalhos portugueses na shortlist do FIAP

As primeiras shortlists do Festival Iberoamericano de la Publicidad (FIAP) contam com dois trabalhos portugueses. A Krypton é finalista na edição deste ano em “Técnicas de Produção Audiovisual” devido ao trabalho “Obscene”, criado para o Queer. Já Filipe de Carvalho venceu um Sol de Bronze por “Star Wars Flat Design” para a Vanity Fair na categoria “Desenho”. Trata-se do único premiado “não-agência” nesta categoria.

Já estão disponíveis também os resultados de “Imprensa”, “Internet”, “Criatividade Efectiva” e “Campanhas Políticas”. Este ano, o FIAP conta com seis jurados oriundos de Portugal: Daniel Palma, João Rosa, Augusto Fraga, Marcelo Lourenço, Patrícia Fernandes e Edson Athayde. Destes nomes, apenas Edson Athayde, CEO e CCO da FCB Lisboa, vai viajar até à Cidade do México para ser jurado na categoria “TV”. Os restantes estão a avaliar os trabalhos a partir de Portugal.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)