Procura por hotéis para cães e gatos aumenta 200% no início do ano

A procura por hotéis para cães e gatos registou uma subida de 200% nos primeiros três meses deste ano, face ao mesmo período de 2021, embora se estime que 89% dos donos dos animais já não encontre qualquer vaga para o período da Páscoa.

A conclusão é da plataforma Fixando, que analisou 20.072 pedidos de clientes, entre Janeiro de 2021 e Abril de 2022. De acordo com as respostas obtidas, 57% dos donos está também receptivo a receber propostas de alojamentos particulares e familiares como solução para deixarem os seus animais domésticos.

Na análise da Fixando verifica-se que a procura por creches para animais é, na sua maioria, realizada pela fracção da população que procura um serviço recorrente, com 34% dos inquiridos a solicitá-lo várias vezes por semana, 21% diariamente e 14% uma vez por semana.

Em termos de distribuição geográfica da procura, Lisboa lidera com 26% dos pedidos totais, seguindo-se o Porto (20%), Setúbal e Braga (10%). No que toca aos preços, o valor médio praticado pelos serviços de hotel e creche para animais situa-se nos 55 euros por noite.

«Esta é uma oportunidade de negócio para famílias e particulares com disponibilidade e experiência no cuidado e acolhimento de animais, que podem encontrar aqui uma nova forma de ganhar dinheiro e colmatar as necessidades de tantos donos de animais domésticos», diz, em comunicado, Alice Nunes, directora de Novos Negócios da Fixando.




loading...
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...