Presidência da República bebe água da torneira

A Presidência da República e a EPAL estabeleceram uma parceria de sustentabilidade para o consumo de água da rede pública nas diversas salas e zonas comuns da residência oficial do chefe máximo de Portugal, no Palácio de Belém. O acordo reforça o compromisso deste órgão de soberania com a gestão eficiente de recursos.

No âmbito da parceria, a EPAL disponibilizou jarros de vidro para as áreas comuns e garrafas para as salas da residência. Desta forma, os encontros e actos oficiais que aí acontecem passarão a ser regados a água da torneira.

Em comunicado, a EPAL garante que a água que capta apresenta “níveis de qualidade absolutamente exemplares” e que, actualmente, serve cerca de três milhões de pessoas no País.

A EPAL indica ainda que a Presidência da República já consumia água da torneira mas que o acordo permite reconhecer este bem como uma escolha de eleição: “Uma água de primeira, que a todos orgulha pela sua excelência, sustentabilidade ambiental e acessibilidade universal.”

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Page Assessment tem novo Executive manager
Automonitor
Conselhos para conduzir à chuva