Powermedia junta Carat, Havas Media e Nova Expressão

Depois da Carat e da Nova Expressão, a Havas Media integrou a Powermedia que se tornou, assim, este mês, na maior central de compra de meios em Portugal.

Ao que a Mediamonitor pôde apurar, no que respeita ao mercado publicitário no primeiro semestre deste ano, as três agências de meios que agora se encontram reunidas na Powermedia representavam resultados na ordem dos 611,813 milhões de euros. Se forem tidos em conta os números finais da Mediamonitor relativos a 2011, as agências totalizam resultados de 1.383.696 milhares de euros, ultrapassando outros agrupamentos de compra.

O conselho de administração da Powermedia é composto por Pedro Baltazar, como presidente, em representação da Nova Expressão, por André Freire de Andrade, em representação da Carat, e por Rogério Canhoto, presidente da Associação Portuguesa de Agências de Meios, em representação da Havas Media.

Garantido é que a Powermedia “continuará a estreitar a sua relação com os meios e a reforçar a sua aposta no papel fundamental das agências de meios nesta indústria”, reforça a central em nota enviada às redacções. “Esta concentração agora verificada torna o mercado publicitário mais equilibrado, reduzindo o número de players e ao mesmo tempo alcançando um equilíbrio maior em termos de volume entre as principais operações”, defende na mesma nota.

Com a nova composição accionista da Powermedia, a Carat responde por 33,4% das acções, a Nova Expressão por 33,2% e a Havas Media por 33,4%.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
7 formas para se voltar a apaixonar pelo seu trabalho
Automonitor
História: O dia em que o Papamóvel foi salvo