Portugal no top 3 dos países ligados aos dispositivos móveis

Em Portugal, 69% das pessoas valoriza a liberdade de estar sempre contactável e 65% acredita que os dispositivos móveis vieram melhorar a sua qualidade de vida. Estes dados, revelados pelo “Mobile Shopping, Banking and Payment Survey” da Nielsen, estão em linha com o facto de Portugal ser um dos três países da União Europeia com maior penetração deste tipo de aparelhos, sendo que 96% dos portugueses tem um smartphone ou tablet.

Do outro lado da moeda estão os inquiridos que admitem que as relações cara a cara estão a ser substituídas por relações electrónicas (69%) e aqueles que se sentem sobrecarregados de informação (67%). Existem ainda os que valorizam os momentos em que não estão ligados a nenhum destes dispositivos (55%).

Quanto às actividades realizadas através dos dispositivos móveis, destaque para o acesso ao email (825), seguido pela utilização de redes sociais (78%) e procura de produtos ou serviços (64%). Em qualquer um destes casos, a percentagem portuguesa é superior à média europeia.

No campo das compras online, mais de metade dos portugueses inquiridos diz utilizar os dispositivos móveis para procurar informação sobre um produto ou comparar preços durante a compra e 42% procura cupões de desconto ou ofertas. Já no que concerne a pagamentos e operações bancárias, 77% admite realizar consultas e 68% faz pagamentos.

Aqueles que não utilizam o smartphone ou tablet para este tipo de serviços, justificam-se com a falta de segurança ou de necessidade. O mesmo estudo indica ainda que 60% dos consumidores portugueses se sente preparado para utilizar um banco que ofereça serviços exclusivamente mobile, desde que melhorem alguns aspectos: reduzir ou anular as taxas para compras de produtos de investimento; aumentar as taxas de juro de depósitos; oferecer descontos para actividades de entretenimento; e agilizar o tempo de respostas para algumas transacções.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Os horários de trabalho e as horas que trabalhamos!
Automonitor
Novo Jazz lidera eletrificação da Honda