Portugal: mulheres consomem mais chocolate do que os homens

Em Portugal Continental, 61,7% dos residentes com 15 e mais anos consumiram chocolate em tablete ou snack nos últimos 12 meses. Isto significa que perto de 5,3 milhões de portugueses sucumbiram ao chocolate ao longo de 2018, segundo aponta o estudo TGI da Marktest.

Deste total, 64,9% eram mulheres e 58,1% homens, o que revela que as portuguesas apresentam taxas de consumo mais elevadas. Por faixas etárias, o consumo de chocolate tende a aumentar até aos 54 anos, quando atinge os 68,4%. Depois, baixa para um mínimo de 55,6% entre os mais velhos.

O mesmo estudo indica ainda que os indivíduos das classes mais baixas são os que consomem menos chocolate. Por outro lado, os valores mais elevados verificam-se junto da classe média.

A insígnia de chocolate mais referida pelos portugueses é Milka, logo seguida pela marca própria do Continente e Nestlé. Face a 2017, a Nestlé foi a marca que maior aumento registou.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)