Pagamentos regulares com dispositivos móveis triplicaram

Na Europa, o número de consumidores que utiliza regularmente um dispositivo móvel para realizar pagamentos triplicou no ano passado. Dados do estudo “Digital Payments 2016” da Visa indicam que este número passou de 18% da população para 54%. Mais: se no estudo anterior 38% dos inquiridos declarava nunca ter usado um dispositivo móvel para fazer pagamentos, actualmente apenas 12% faz a mesma afirmação.

Partindo das respostas de mais de 36 mil consumidores online de 19 países europeus, o mesmo estudo revela que os adeptos deste tipo de pagamentos sentem-se igualmente à vontade para realizar compras mais dispendiosas ou pagamentos menos avultados.

Adicionalmente, a actividade de mobile banking está a aumentar em todos os grupos etários, sendo que a faixa dos 55-64 anos é a que está a adoptar mais rapidamente estes serviços. A nível geral, pela primeira vez, mais de metade dos entrevistados, de todas as faixas etárias, diz utilizar serviços bancários online.

Sérgio Botelho, coutry manager da Visa em Portugal, considera que «estes dados constituem a confirmação de que o futuro dos pagamentos digitais chegou, com os consumidores na Europa a abraçar uma variedade de novas formas de pagamento». O responsável destaca a multiplicidade de plataforma que já existem, incluindo Apple Pay, Android Pay, Samsung Pay e ainda wearables como smartwatches e pulseiras.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Estes 10 benefícios vão ser os mais desejados pelos colaboradores em 2020
Automonitor
Os peculiares protótipos que a Daihatsu vai levar a Tóquio