OVS Industry abre primeira loja em Portugal

ovsA OVS Industry, marca italiana de moda, líder de mercado em Itália, inaugura hoje a primeira loja em Portugal, em Lisboa, no centro comercial Dolce Vita.

Em entrevista à marketeer Andrea Bonini, responsável pelos mercados internacionais da OVS Industry,  falou da marca e do projecto para o mercado português

Como descreve a marca OVS Industry?

A OVS Industry é uma marca de vestuário que teve origem em Itália, na cidade de Pádua em 1972. Hoje é líder no mercado italiano e um dos principais pontos de referência no retalho no que corresponde a “fast fashion”. Procuramos criar, seleccionar e produzir vestuário de qualidade, de uma forma responsável e sempre com o preço correcto.

Que tipo de produtos disponibilizam?

Os nossos produtos caracterizam-se pela qualidade e pelo estilo italiano mas que se mistura também com as tendências internacionais através da colaboração exclusiva de grandes estilistas como o Elio Fiorucci.

Temos mais de 400 lojas que correspondem a mais de 11 m de clientes por ano.

Como está a correr o processo de expansão?

Abrimos a nossa primeira loja no exterior em Setembro de 2006 e em apenas três anos temos um total de 61 lojas fora de Itália.
Temos apostado em países emergentes principalmente através de franchising, graças a uma cuidadosa selecção de parceiros que tenham experiência consolidada no sector

Quais os mercados mais importantes?

Fora de Itália, há alguns mercados importantes como a Bulgária, Roménia ou Croácia, estamos também a apostar forte em mercados como a Índia e a China – vamos abrir em breve uma loja em Xangai.

Porquê a aposta em Portugal?

Achamos que Portugal é um país onde os consumidores gostam de se vestir bem e com estilo. Depois encontramos um bom parceiro par a esta aposta, a Santiagos Lda, uma empresa portuguesa com 70 anos de experiência no sector e que tem uma forte presença no mercado português e espanhol.

Tencionam abrir mais lojas em Portugal?

Sim é possível. Em Lisboa ou até em outras cidades como o Porto.

Valorizam muito os preços que praticam. Como chegam a esses valores?

Está relacionado com economias de escala. A expansão alcançada pela empresa, a quantidade de peças produzidas, mais de 95 milhões, e a quantidade de superfícies de vendas mais de 360 mil metros quadrados como a redução do número de intermediários entre outras coisas permite que pratiquemos bons preços.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Page Assessment tem novo Executive manager
Automonitor
Conselhos para conduzir à chuva