Organização Mundial da Saúde escolheu os melhores filmes sobre reabilitação

“Sim-Patia” é o título do filme que venceu a 3.ª edição do Health for All Film Festival (HAFF), competição de curtas-metragens organizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que este ano foi subordinada ao tema da reabilitação.

Realizada pelo espanhol Carlos Gómez-Mira Sagrado e pela italiana Rossana Giacomelli, a curta-metragem vencedora consiste num filme de animação que mostra como a reabilitação pode ajudar os indivíduos que sofrem lesões cerebrais a recuperarem as suas vidas em casa e junto da comunidade. “Acima de tudo, é uma história de esperança”, sublinha a OMS em comunicado.

Além deste filme, o júri da 3.ª edição do Health for All Film Festival entregou uma menção especial ao documentário “Move, Dance, Feel”, realizado pela britânica Emily Jenkins, e que se baseia nos benefícios que a dança traz para o bem-estar dos pacientes com cancro e no combate aos efeitos dos tratamentos.

De acordo com a OMS, a edição deste ano do festival contou com mais de 300 candidaturas de realizadores de todo o Mundo, que submeteram filmes sobre a reabilitação de diversas patologias, desde a Covid-19 ao cancro. No final, 10 filmes foram seleccionados para a shortlist, por um júri que contou com a participação da actriz britânica Emilia Clarke, que lidera a SameYou, uma fundação que apoia a recuperação de pessoas com lesões neurológicas.

Veja aqui o filme vencedor:

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...