O Tapisco já serve a Norte

Em Fevereiro de 2017, o Tapisco instalou-se no Príncipe Real, em Lisboa. Agora, o chef Henrique Sá Pessoa, em parceria com o grupo Multifood, acaba de abrir o seu espaço de tapas – portuguesas e espanholas – no Porto, mais precisamente no 165 da Rua Mouzinho da Silveira.

À carta vigente, acrescentou seis novidades e substituiu algumas. «O ADN da cozinha é o mesmo: a carta é idêntica, mas achámos que fazia sentido ter aqui pratos como as Tripas, por exemplo», explica Henrique Sá Pessoa.

Fique então a conhecer algumas das propostas: nas Brasas, há três novos pratos, entre o Carabineiro grelhado com alioli e salada de tomate (29€), o Polvo à Lagareiro com batatinha assada (18€) e a Posta Minhota Galega 300/400gr (23€).

Nos Tachinhos, a Paella Negra com sépia y alioli – já habitual no espaço de Lisboa -, surge ao lado dos novos Arroz de Bacalhau com tomate e coentros (19€) e das Tripas à moda do Porto (17€). A nova sobremesa de Morangos com bolo de azeite e sabayon de vinho do Porto (6€) é um rival à altura da Mousse de chocolate negro com azeite e flor de sal. Quanto ao choco frito é servido num prego com a maionese de coentros e lima, enquanto os ovos mexidos passam a ser servidos com alheira de caça, em vez de espargos.

Depois, há ainda a vermuteria, que já ganhou clientes fiéis na capital, e que no Porto cresceu em referências e em área.

Com 200m2, o novo espaço tem lotação de 59 lugares (nove deles ao balcão). Em estilo retro, inspirado no ambiente dos restaurantes e snack-bars dos anos 50 a 70, o restaurante recorre a apontamentos em latão desenhados à medida para o espaço e elementos originais para compor a decoração. Todas as cadeiras de madeira do restaurante são da marca Olaio dos anos 60 e foram objecto de recuperação – além de restauradas, foram estofadas em pele natural verde-seco, tal como aconteceu com os sofás, pensados para momentos de conforto. Em vermelho cor de vinho são os azulejos tridimensionais que cobrem o lambrim alto, e contrastam com a pedra lioz creme dos tampos das mesas, estantes e balcão.

Para já, o restaurante tem um horário reduzido e está aberto apenas à hora de jantar, em soft-opening, das 19h às 00h.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Outubro 2019
Automonitor
Kapten lança função de arredondamento solidário