O KFC ficou sem frango e os rivais aproveitaram

A última semana não foi fácil para a KFC no Reino Unido. A cadeia de restauração conhecida pelo frango frito ficou sem frango, o que levou a uma onda de indignação por parte dos consumidores e a respostas criativas de rivais como o Burger King.

Segundo explica a Adweek, a KFC viu-se obrigada a fechar temporariamente a maioria dos seus 900 restaurantes ou a implementar horários de funcionamento mais curtos. Em alguns casos, optou ainda por reduzir a escolha dos consumidores, diminuindo o menu. Tudo por causa de um problema com o novo parceiro de entregas, a DHL.

As cadeias rivais aproveitaram a falha para tentar captar novos clientes. O Burger King, por exemplo, ofereceu a uma consumidora em particular um ano de King Boxes, depois de a mesma ter comentado no Twitter que a solução encontrada pela KFC para consolar quem não tinha conseguido comprar frango frito passava por dar caixas de arroz.

Também a Iceland Foods decidiu oferecer tiras de frango panado a quem não quisesse esperar pelo fim da crise na KFC, segundo reporta a mesma publicação.

Para pedir desculpa, a KFC contou com a ajuda da Mother London, que desenvolveu um anúncio de imprensa publicado nos jornais The Sun e Metro, No anúncio, a marca troca as letras do seu nome, passando a apresentar FCK escrito no típico balde de frango.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Câmara de Lisboa vai contratar mais de 500 pessoas em diversas áreas
Automonitor
Escapadinhas: Avis lança a campanha “Weekend XXL”