Nobre homenageia 11 cidadãos portugueses

Pela primeira vez, a Nobre Casa de Cidadania homenageou um cidadão a título póstumo. João Almiro, fundador do Refúgio das Andorinhas, é uma das 11 pessoas cujas acções são reconhecidas pela Nobre este ano.

O título de Cidadão Nobre é também atribuído a Arlindo Marques, que denuncia a poluição no Tejo; Eduardo Donas Botto, condutor do autocarro que conseguiu fugir à chamas no IP3, no verão passado; Manuel Teixeira de Miranda, que salvou um vizinho de um incêndio; Maria do Carmo Silva Pereira, que angariou e entregou 91 cabeças de gado a pastores que tinham perdido os seus rebanhos; Maria José Valente, que dedica parte do seu tempo ao combate à solidão sénior; Marta Baeta Gabriel, fundadora da associação From Kibera With Love; Nádia Carvalho, atleta que evitou o afogamento de uma mulher numa prova de corta-mato; Nuno Fraga, que ajuda pessoas sem-abrigo a mudar de vida; Susana Garrett Pinto, criador da Teach How to Fish; e Vanda Rodrigues, que organiza recolhas de bens.

Recorde-se que o título Cidadão Nobre é entregue a pessoas que contribuam para a melhoria cívica da sociedade.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Pela diversidade no local de trabalho
Automonitor
Porsche mostra versão mais acessível do Taycan