Moz: t-shirts portuguesas e solidárias

Francisca tem 23 anos e regressou recentemente de uma viagem de voluntariado a Moçambique. Depois de conhecer a realidade deste país, decidiu lançar uma marca vestuário com a solidariedade como vocação: chama-se Moz, é 100% portuguesa (incluindo a produção) e parte das vendas reverte a favor da Casa do Gaiato.

A ligação a Moçambique está na utilização da capulana (tecido típico do continente africano) nos bolsos das t-shirts desenvolvidas. Também o nome de cada um dos modelos vai buscar inspiração a este país, sendo que cada t-shirt tem escrita uma palavra em changana, um dialecto moçambicano.

«Ao longo do tempo em que estive em Moçambique, percebi que podemos fazer a diferença com pequenos gestos», afirma a fundadora da Moz, explicando que sentiu necessidade de retribuir o tanto que aprendeu em Moçambique. Lembrou-se, então, de encher a mala de capulanas e de as transformar numa marca, construída em parceria com o namorado Luís.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Esta ferramenta promete vir revolucionar a Segurança e Saúde no Trabalho
Automonitor
Está grávida? Veja o que deve (e não deve) fazer se for conduzir