Mimosa é a marca mais escolhida em Portugal

No ano passado, produtos da marca Mimosa foram retirados das prateleiras portuguesas 34 milhões de vezes (Consumer Reach Points – CRP), fazendo com que esta seja a insígnia mais escolhida no País pela sexta vez consecutiva. Esta é conclusão do mais recente Brand Footprint da Kantar, ranking que mede quantas vezes as marcas de Bens de Grande Consumo são compradas no ponto de venda, quantos lares compraram cada marca e quantas vezes o fizeram durante um ano.

Segundo o mesmo ranking, a Mimosa apresenta uma taxa de penetração nos lares portugueses de 86,4%, factor que também contribui para a atribuição da coroa. Logo a seguir surgem a Gresso e Compal, com taxas de 62,5 e 60,1% respectivamente. Em termos de CRP, apresentam níveis significativamente mais baixos em relação à Mimosa: 14 e 12 milhões respectivamente.

O top 10 conta ainda com Nobre, Delta, Terra Nostra, Milaneza, Renova, Agros e Colgate, o que significa que nove das marcas mais escolhidas são portuguesas. Por categorias, Delta é a marca de bebidas mais escolhida, a Renova a preferida no cuidado do lar e a Colgate a primeira opção em higiene e beleza

A Kantar destaca o facto de a Coca-Cola ser a marca mais escolhida no mundo e de em Portugal ocupar apenas o 18.º lugar. Além disso, a Dan Up foi a marca que mais cresceu em CRPS em 2018: um salto de 50% permitiu-lhe subir 26 posições no ranking e chega ao 38.º lugar. A Bimbo foi a segunda marca que mais cresceu em CRPs.

Perante os resultados, Marta Santos, Manufacturers Sector director na Kantar, não hesita em afirmar que as marcas que aumentam a sua base de compradores conseguem alcançar o crescimento. «Num mercado de soma zero como o FMCG em Portugal, é crucial que as marcas continuem a diferenciar-se e a apostar em estratégias de conquista de novos consumidores, sendo este o driver fundamental para uma performance positiva», conclui.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Airbus vai ter open day. Há 90 vagas para fábrica portuguesa
Automonitor
Nissan LEAF em modo drift