Medalhas dos Jogos Olímpicos são feitas a partir de lixo

Lixo electrónico está na base das medalhas dos próximos Jogos Olímpicos, marcados para o próximo ano em Tóquio. Cinco mil medalhas de Ouro, Prata e Bronze foram produzidas a partir de telefones antigos, entre outros dispositivos electrónicos já sem utilidade, num processo de reciclagem desenhado por Junichi Kawanishi.

A organização da competição recebeu mais de 400 candidaturas de designers profissionais e estudantes, mas a proposta do director da Japan Sign Design Association saiu vencedora. “O design das medalhas Olímpicas de Tóquio 2020 reflecte o conceito de que, para alcançar a glória, os atletas têm de se esforçar diariamente”, explica a organização, acrescentando que as medalhas fazem lembrar pedras em bruto que foram polidas e que agora brilham.

A aposta em medalhas mais amigas do ambiente representa um esforço dos Jogos Olímpicos de Tóquio no sentido de contribuir para uma sociedade mais sustentável e de inspirar outras organizações desportivas a seguir o mesmo caminho.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Assista em directo à XVIII Conferência Human Resources
Automonitor
Hertz e Jeep lançam serviço de aluguer de tendas rooftop