Marcas locais estão a ganhar às multinacionais

Pelo terceiro ano consecutivo, as marcas locais cresceram quase o dobro da taxa de crescimento das marcas globais. No ano passado, estas marcas de cada país ou região aumentaram 41 mil milhões de dólares (36,6 mil milhões de euros), representando 46% do total dos gastos globais em FMCG (fast-moving consumer goods). Mais: 58% do crescimento do mercado FMCG é gerado pelas marcas locais, segundo o estudo Kantar Worldpanel Brand Footprint.

Do estudo faz parte um ranking que revela as 50 marcas FMCG mais procuradas pelos consumidores de todo o Mundo. As conclusões apuradas com base neste top indicam que os players locais são fortes sobretudo nas áreas de alimentação e bebidas e, a nível geográfico, na Ásia, América Latina e em algumas partes da Europa.

Apesar de as marcas locais estarem a crescer significativamente, o estudo da Kantar ressalva que as multinacionais também estão em ascenção. No top 10 constam a Lay’s e a Dove, a título de exemplo.

Alison Martin, directora da Kantar Worldpanel, refere que «para as marcas, o mundo é o seu país, elas olham para o seu país como um todo e não apenas para as cidades mais importantes». A responsável acrescenta ainda que «não se trata apenas de existirem mais marcas locais, geralmente trata-se do facto de que estas chegarão a compradores em partes remotas do seu mercado, trabalhando mais perto das necessidades dos consumidores».

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Human Resources ultrapassa marca dos 115 000 seguidores no LinkedIn
Automonitor
Vídeo: Mesa redonda da 2ª conferência do AUTOMONITOR