Maison Flair conquista cinco novas marcas

A Maison Flair entra na Primavera com cinco novos clientes: Bapho Brasil, Byou, Cleonice, Flausinas e Pé de Chumbo são as mais recentes novidades no portefólio de marcas da agência portuguesa.

A Bapho Brasil nasce pelas mãos da ilustradora Marina Widman Lamounier e tem nos lenços de seda a sua bandeira. A artista brasileira, a viver em Lisboa há dois anos, cruza referências da sua terra de origem com aquelas que tem vindo absorver em Portugal.

A Byou, por seu turno, é uma marca pensada para a mulher actual. Criada por Patrícia Gouveia, conta com colecções que levam a expressão “ready-to-wear” à letra, apresentando peças obrigatórios em qualquer guarda-roupa. Blazers, camisas brancas de algodão, vestidos fluídos de seda e calças de veludo são algumas das sugestões.

Já Cleonice tem como missão respeitar as formas femininas, desenhando vestidos à medida da imaginação de cada cliente. Com produção integralmente portuguesa, a Cleonice afirma ter uma marca sustentável e preocupada com o futuro da moda.

No campo da inovação, surge a Flausinas. O projecto criado por Inês Risques sugere, por exemplo, que se una a parte da frente de um vestido à parte de trás de outro, com a ajuda de fechos de mil cores.

Por fim, a Pé de Chumbo cria os seus próprios materiais, tendo a malha artesanal como ponto de partida. Alexandra Oliveira, fundadora da insígnia, pretende recuperar a tradição portuguesa e reinventá-la.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Portugal atraiu 610 estrangeiros «altamente qualificados» através deste programa
Automonitor
Regulamento da mobilidade elétrica obriga a celebrar contratos de adesão