Lucros da Toyota quase triplicam

iXD39P62Apgs_2A Toyota, maior fabricante mundial de automóveis, anunciou um resultado líquido de 319,9 mil milhões de iénes (cerca de 2,46 mil milhões de euros) no último trimestre do ano fiscal, que decorreu entre Janeiro e Março de 2013. O resultado compara com o lucro de 121 mil milhões de iénes (930 milhões de euros) obtido no período homólogo do ano passado.

No que diz respeito à totalidade do ano fiscal, a fabricante nipónica anunciou um lucro de 962,16 mil milhões de iénes (7,39 mil milhões de euros), que ultrapassou a anterior previsão da empresa de 860 mil milhões de iénes. O lucro operacional atingiu 1,32 biliões de iénes (10,15 mil milhões de euros), o valor mais elevado dos últimos cinco anos.

De acordo com o Wall Street Journal, os lucros da Toyota foram impulsionados pela política anti-deflação do Governo japonês – desde meados de Novembro, o iéne já desvalorizou mais de 20% em relação ao dólar, o que dá à gigante nipónica uma vantagem competitiva em relação a concorrentes como General Motors e Volkswagen.

Para o final do ano fiscal 2013/2014 (que termina a 31 de Março de 2014), a Toyota prevê atingir o maior lucro em seis anos. A fabricante espera um resultado líquido de 1,37 biliões de ienes (10,53 mil milhões de euros) e um lucro operacional de 1,8 biliões (13,8 mil milhões de euros).

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Estes 10 benefícios vão ser os mais desejados pelos colaboradores em 2020
Automonitor
Os peculiares protótipos que a Daihatsu vai levar a Tóquio