Lisgráfica a caminho da recuperação

LisgraficaO plano de recuperação apresentado pelo Conselho de Administração da Lisgráfica foi aprovado por 90% dos credores da maior empresa gráfica portuguesa, fez saber ontem à tarde a empresa em comunicado.

A Lisgráfica, empresa gráfica portuguesa, foi fundada há 40 anos, tem 290 trabalhadores e um volume de negócios, em 2012, de 24 milhões de euros. É responsável pela impressão de alguns dos mais importantes títulos de media nacionais.

“Na votação que teve lugar no passado dia 30 de Abril estiveram presentes mais de 97% dos credores. Os trabalhadores, que também foram chamados a pronunciar-se, participaram massivamente no plano de viabilização da empresa”, lê-se no documento.

Expressaram ainda apoio à recuperação da empresa entidades públicas como a segurança social e o Iapmei, instituições financeiras como o Milllennium bcp e o Banif, bem como a generalidade dos fornecedores de matérias-primas e de serviços, sublinha a empresa.

Além de uma profunda reestruturação do passivo da empresa, o plano prevê um redimensionamento da empresa, ajustando-a ao actual nível da procura, e um relançamento estratégico no sentido do reforço da sua competitividade. Depois de aprovado pelos credores, o plano será agora submetido à homologação do tribunal, após o que se tornará de aplicação obrigatória.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)