Lisboa quer 130 lugares de estacionamento para carsharing

A Câmara Municipal de Lisboa aprovou mais 40 lugares de estacionamento exclusivos para carsharing. A informação é avançada por Miguel Gaspar, vereador da Mobilidade e Segurança, no decorrer de um fórum organizado pela emov, empresa dedicada à disponibilização de serviços de partilha de automóveis eléctricos.

Segundo o vereador, estão também a ser estudados outros 60 lugares além desses e que o objectivo da autarquia é chegar, em breve, aos 130 lugares de estacionamento para veículos partilhados. «Queremos reduzir a dependência do veículo automóvel. Lisboa tem uma aposta inequívoca nos modos partilhados», afirma Miguel Gaspar, indicando que é fundamental assegurar melhor qualidade de vida às pessoas.

Ignacio Román, director-geral da emov Espanha e Portugal, acrescenta que a colaboração público-privada é essencial para o progresso e que todos os actores do sector devem optimizar os seus serviços para melhorar a intermodalidade. Chegou a altura, considera o responsável, de «inverter a tendência errada que durante décadas nos levou a planificar os centros urbanos com outro foco que não os seus habitantes».

Neste sentido, a emov aproveita para anunciar que irá estender a sua operação a mais três zonas em Lisboa, nomeadamente Benfica, Olivais e Bairro da Cruz Vermelha.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Primeiro Porsche 911: Uma obra-prima alemã