LinkedIn vai deixar de vender anúncios fora da rede social

O Network Display, solução de publicidade do LinkedIn, vai chegar ao fim durante o primeiro semestre deste ano. Lançada há cerca de um ano, esta ferramenta permite às marcas encontrar as audiências adequadas a cada campanha. Para isso, o LinkedIn disponibiliza aos anunciantes os dados dos seus utilizadores, à semelhança do Google ou Facebook, para que possam escolher a quem devem mostrar os seus anúncios fora desta rede social.

Steve Sordello, CFO do LinkedIn, explica no relatório de resultados de 2015, que a procura inicial pelas novas soluções publicitárias era sólida mas que acabou por requerer mais recursos do que aqueles para que a empresa estava preparada. Como consequência, a rede social decidiu colocar um ponto final à ferramenta, fazendo com que as marcas deixem de poder utilizar as informações dos utilizadores do LinkedIn para descobrir quem é director de Marketing ou responsável financeiro, por exemplo.

A tecnologia até aqui utilizada no Network Display será implementada nos conteúdos patrocinados do LinkedIn.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Outubro 2019
Automonitor
Já viu o novo ultracompacto 100% elétrico da Toyota?