Imagem de Ronaldo vale mais do que a de Messi

cristiano-ronaldo-redimensionadaCristiano Ronaldo é, em termos mediáticos, o jogador mais valioso do futebol mundial da actualidade. O resultado é de um estudo desenvolvido pelo IPAM – The Marketing School que analisa e compara o valor do craque português e de Lionel Messi, do ponto de vista do marketing.

O potencial de mercado do jogador do Real Madrid está avaliado em 40 milhões de euros/ano, contra os 37 milhões/ano do astro argentino. Receitas publicitárias, projecção mediática, exposição na Web e palmarés são, apenas, algumas das dimensões avaliadas.

O número 7 dos merengues leva a melhor sobre Messi, desde logo, no campo da internet: Ronaldo tem mais fãs no Facebook (42 milhões contra os 34 milhões do argentino), soma 139 milhões de pesquisas no Google (mais 80 milhões do que “La Pulga”), 212 mil vídeos alojados no Youtube e oito milhões de seguidores no Twitter. O potencial de mercado de Cristiano Ronaldo é, de igual modo, sustentado na projecção social. O português é referenciado em 205 livros da Amazon (Messi apenas em 85) e em 2157 artigos científicos (o argentino em 1608). No ranking de celebridades da revista Forbes, o capitão da selecção nacional figura na 43ª posição, enquanto que Messi surge no 62º lugar.

Realce também para o facto de Ronaldo ganhar sobre o rival da Catalunha no que toca ao vencimento. O salário anual do português – 13 milhões de euros – supera em cerca de um milhão o de Messi. De acordo com o estudo, o número 10 dos blaugrana bate o craque português em três variáveis: receitas globais, palmarés e exposição mediática. Os direitos de imagem proporcionam, anualmente, 21 milhões de euros a Messi. Cristiano Ronaldo fica-se pelos 15 milhões. Desta forma, e apesar de auferir um salário mais baixo, o astro argentino é capaz de gerar mais receitas. Com 18 títulos colectivos conquistados – contra 10 do avançado português – e três distinções para a Bola de Ouro da FIFA (2009, 2010 e 2011), contra apenas uma do português (2008), “La Pulga” supera Ronaldo em termos de sucesso desportivo.

Daniel Sá, director do IPAM – The Marketing School Porto e Aveiro e autor do estudo, perspectiva que os atletas possam alcançar uma maior margem de progressão nesta área nos próximos anos. De acordo com o docente, «Ronaldo e Messi devem incidir a aposta nos mercados asiático, norte-americano e africano e tirar o máximo proveito do potencial dos novos meios digitais». A investigação efectuada pelo IPAM – The Marketing School utilizou uma metodologia científica – Sports Reputation Index by IPAM – que tem como objectivo avaliar a reputação, a popularidade e a notoriedade de um atleta ou treinador.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)