Igualdade no trabalho pode ajudar progressão na carreira

Flexibilidade, promoção do equilibro entre vida pessoal e profissional, autonomia e respeito pelo individuo são alguns dos factores essenciais para um ambiente de trabalho pautado pela igualdade.

De acordo com um estudo da Accenture, este tipo de condições garantem uma probabilidade quatro vezes maior de mulheres alcançarem cargos superiores de direcção a nível global. “Ou seja, por cada 100 executivos do género masculino, poderiam existir até 84 mulheres na mesma função, face ao actual rácio de 100 para 34”, indica o estudo Getting to Equal 2018.

No que concerne os salários, urge também uma revisão. A Accenture indica que o salário das mulheres poderia aumentar em cerca de 51% por ano em empresas com uma cultura mais inclusiva. Esta mudança beneficiaria não só as mulheres como também os homens, uma vez que também os colaboradores do sexo masculino registam níveis mais elevados de progressão na carreira em ambientes organizacionais equitativos.

O mesmo estudo revela que iniciativas exclusivas para mulheres podem ser contraproducentes, dando exemplo da licença a propósito do nascimento de um filho: “Quando é encorajado pelas empresas que também os homens aproveitem a licença de paternidade, o impacto negativo na carreira das mulheres ao gozar a sua licença de maternidade é eliminado”, afirma a Accenture.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Portugal atraiu 610 estrangeiros «altamente qualificados» através deste programa
Automonitor
Confirmado: Peugeot 508 Sport Engineered chega em 2020