House of Cards: o “leak” que podia ter sido um golpe de Marketing

A 3.ª temporada da série foi disponibilizada no Netflix e, minutos depois, foi retirada. Nas redes sociais, a comoção foi grande – e chegou a pensar-se que teria sido um golpe de marketing para promover a série. A empresa de video streaming desmente e diz que foi apenas um erro.

Na passada quarta-feira, de repente, a 3.ª série de House of Cards foi disponibilizada no Netflix – mas, muito pouco tempo depois, foi retirada. À medida que os fãs da série inundavam as redes sociais com comentários sobre o leak, instalou-se a dúvida: não teria sido esta “fuga” um golpe de marketing para aumentar o “buzz” em torno da 3.ª temporada? Não se confirmam as suspeitas, contudo: o Netflix já veio a terreiro dizer que foi “um erro honesto”.

Segundo o The Wall Street Journal, esta “fuga” animou as redes sociais, onde muitos manifestaram o seu cepticismo sobre a “ingenuidade” deste “acidente”. Contudo, um porta-voz do Netflix, citado pelo jornal norte-americano, disse que este terá sido “um erro técnico”, reforçando que os 13 episódios estarão disponíveis no dia 27 de Fevereiro.

Na conta oficial do House of Cards, os responsáveis pela série aproveitaram para brincar um pouco com a situação. Isto é Washington. Há sempre uma fuga.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)