Há espaços prodigiosos… como o Spa Nuxe

O Spa Nuxe abriu há uns meses, em plena Invicta. É de um luxo discreto e de massagens a que se quer voltar. Já conhece?

Texto de M.ª João Vieira Pinto

É o primeiro Spa Nuxe da Península Ibérica, fica bem no centro da cidade do Porto, no mais que recente hotel Le Monumental, e é de conhecer. Sim, porque depois de ir vai querer voltar. Uma, duas e mais vezes. Não que aqui se fale de dimensão, mas de grandiosidade. Na decoração, em que o simples é um luxo; nos tratamentos e em quem os faz; no perfume que embala ou na tisana do chef que aconchega no final – e que, garanto, quis trazer a receita, mas diz que o chef nunca revela todos os ingredientes.

Na minha tarde de mimo, em que me entreguei aos cuidados de Patrícia Moreira, uma das duas responsáveis por massagens que não se esquecem, cheguei ao Spa da Nuxe cansada de corpo e extenuada de espírito. Estive para cancelar, adiar, desmarcar-me para outras núpcias, confesso. Hoje, só tenho pena que fique a algumas horas daqui da revista…

Sim, vá até à Avenida dos Aliados, entre no Le Monumental e desça então até ao seu spa – piso onde fica ainda o ginásio, a piscina – de uma beleza ímpar – o banho turco e a sauna.

O Spa segue a linha de decoração e design das restantes áreas do hotel, numa evocação ao luxo de uma Paris vintage. Os balneários são pequenos mas de um gosto irrepreensível, acabando também por funcionar como montra de alguns produtos da marca (como o creme de mãos) e, em particular, da Le 32 Montorgueil, a marca exclusiva da Nuxe para Spa e que não está à venda em lojas. Os mármores estão muito presentes, assim o papel de parede, tudo em jeito de tons suaves onde o branco é predominante.

«O ambiente que se pretendeu transmitir foi o de natureza com luxo, pelo que esta zona é mais orgânica que todo o resto do hotel», conta Rita Carvalho, a responsável pelo espaço e coordenadora de todos os tratamentos.

Passe então à zona de tratamentos, composta por três salas. Uma primeira de duche Vichy onde também é possível fazer exfoliação, uma segunda sala duo em que as cores vão mais ao encontro das próprias cores da marca, como os dourados; e a sala individual.

Até à data o mais procurado será a massagem californiana, que se estende por uma hora e 15 minutos e se garante muito personalizada, assim como as de 45 minutos, em particular a detox, em jeito de massagem tónica com alguns pontos de pressão ao nível dos intestinos e bexiga. Fui “abençoada” com a californiana, uma massagem em que é utilizado o Huile Prodigieuse e que se destina a aliviar as tensões do corpo e do espírito, em que a pressão é personalizada de acordo com o cliente. Ah, e pode ser realizada em duo na sala de casal. Desintoxicou e aliviou pressões até à alma, com a cereja no topo do bolo a ser colocada com a tisana do chef que é, verdadeiramente, de beber e pedir por mais.

Ainda não se pôs a caminho?

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...