Grupo Olivier foca estratégia na internacionalização

Depois de São Paulo e Banguecoque, o Grupo Olivier voltou-se para a Europa. França (Paris) viu chegar a primeira abertura, a que se seguirá Reino Unido e Itália. Mas a vontade é entrar em várias cidades europeias com conceitos vencedores no mercado português. E, sempre, à boleia de parceiros hoteleiros.

Texto de M.ª João Vieira Pinto

Foto de Paulo Alexandrino

Quando pensa em Olivier da Costa, é provável que lhe venha à ideia adjectivos como irreverente, ousado ou inovador. Há 25 anos a abrir espaços no mercado português, entre Lisboa, Porto e Algarve, o chefpreneur começou por dar passos pequenos lá fora, em terras do Brasil e da Tailândia… até este ano. O salto de leão levou-o a Paris, onde se instalou na Place Vendôme e conquistou rapidamente boas críticas, tanto de clientes como da imprensa. Mas Olivier também já fez saber que este é apenas o primeiro lance de uma jogada alargada e estratégica pela Europa.

Joel Pires, o director Comercial e de Marketing dos restaurantes Olivier – que tem vindo a acompanhar todos os momentos de decisão –, confirma que Reino Unido e Itália serão destinos que se seguem.

Para ler o artigo na íntegra consulte a edição de Dezembro de 2021 da revista Marketeer.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...