“Grão Torrado” quer modernizar cafés portugueses

torradoOperar uma «transformação global» em 50 cafés tradicionais. É esta a expectativa da marca “Grão Torrado” até ao final deste ano. «Além da imagem renovada a nível interior e exterior, a “Grão Torrado” possibilita uma melhoria efectiva em todas as componentes, nomeadamente na formas de vender, sugerir, apresentar, servir e atender», como a reformulação dos menus, explica a marca em comunicado. Ao aderir ao projecto, «os estabelecimentos vêem o seu nome associado a um conceito moderno e diferenciador e que, acima de tudo, está assente no desenvolvimento sustentado do negócio», garante.

Segundo a marca, este projecto possibilita ainda a formação profissional dos colaboradores dos cafés associados, através de um protocolo com o Turismo de Portugal e com a Escola de Douro-Lamego. A marca assegura ainda uma estratégia integrada de marketing aos cafés aderentes, bem como a presença no espaço online, nomeadamente na rede social Facebook.

O objectivo da “Grão Torrado” é o de renovar 50 cafés até ao final de 2012 e alargar esse número a 300 até 2014, sendo que, de momento, conta com cinco estabelecimentos negociados.

De acordo com a marca, apesar de passarem a pertencer à cadeia “Grão Torrado”, os estabelecimentos mantêm a sua identidade e o nome original.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Patrões portugueses são os menos instruídos da Europa
Automonitor
Primeiro Porsche 911: Uma obra-prima alemã