Governo lança campanha contra a violência doméstica

A sabedoria popular nem sempre acerta e expressões como “quanto mais me bates, mais gosto de ti” ou “entre marido e mulher não se mete a colher” têm suscitado cada vez mais polémica. Tanto que servem de ponto de partido para a nova campanha do Governo contra a violência doméstica.

Sob o mote #PortugalContraAViolência, a campanha desconstrói ditados populares e lembra que este é um crime público que pode ser denunciado por qualquer pessoa (basta ligar o 800 202 148). Deixa também uma mensagem de esperança ao apresentar um final feliz, possível apenas pela intervenção de alguém que decidiu meter a colher.

A campanha coloca ainda em destaque os mecanismos de apoio que as vítimas têm à sua disposição, nomeadamente a Rede Nacional de Apoio às Vítimas de Violência Doméstica. Actualmente, existe 166 estruturas de atendimento, 26 locais de acolhimento de emergências e 40 casas abrigo.

A campanha surge no âmbito do Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres, assinalado no próximo dia 25. Foi desenvolvida em parceria com um conjunto de associações, incluindo APAV e UMAR, e será difundida a nível nacional com a ajuda de parceiros com SIC, TVI, RTP, Cofina Media, Global Media Group, Grupo RR/COM, Grupo Barraqueiro, Metro Lisboa e Galp.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Deloitte tem nova liderança no Marketing e Comunicação
Automonitor
Elétricos: Galp vai inaugurar primeiro ponto de carregamento em São Miguel