Google actualiza AdSense em prol dos publishers

Em 2016, a Google pagou mais de 11 mil milhões de dólares (10 mil milhões de euros) aos publishers parceiros. Este é um dos dados invocados pela própria tecnológica para mostrar como tem apoiado os criadores de conteúdos, jornalistas e realizadores amadores, entre outros.

Para tornar isto possível, a Google lançou, há 15 anos, o AdSense, plataforma que hoje recebe duas actualizações, fruto do feedback directo dos publishers. As novidades recaem sobre as políticas da plataforma, cuja função é equilibrar as necessidades dos publishers e dos utilizadores e anunciantes, tendo em vista a manutenção de uma internet aberta, segundo explica Scott Spencer, director of Sustainable Ads da Google, em comunicado.

A primeira novidade está relacionada com a violação de políticas. A Google desenvolveu uma nova tecnologia que lhe permite agir mais rapidamente e com maior precisão nestes casos, removendo anúncios que violem as regras. Isto significa que não deverá ser necessário eliminar todos os anúncios de determinado site quando apenas um estiver em incumprimento, como acontecia até agora.

Sempre que necessário, a Google eliminará também publishers, caso se verifiquem violações flagrantes ou permanentes.

A segunda novidade dá pelo nome de Central de Políticas, um único local onde se pode encontrar toda a informação sobre as políticas do AdSense e de que forma podem ser aplicadas. Dentro de poucas semanas, todos os publishers terão acesso à central.

Segundo a Google, ao longo deste ano, serão adicionadas Centrais de Políticas a outras plataformas destinadas a publishers, além do AdSense.

«Com este lançamento, estamos a aproximar-nos do nosso objectivo de facilitar a compreensão de como as nossas políticas funcionam para que os publishers possam continuar a desenvolver os seus negócios utilizando as plataformas de anúncios da Google», conclui o mesmo responsável.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Acompanha aqui o lançamento oficial do Sapo Prime, uma nova forma de comprar conteúdos jornalísticos
Automonitor
Europa: Vendas da Hyundai superam mercado