Fontes oficiais dizem que não aconteceu

A campanha criada pela Fuel para promover o livro Condor do fotógrafo português João Pina chega, agora, à imprensa. A agência criou dois anúncios de imprensa que seguem a mesma linha utilizada no filme lançado no início do ano.

A obra reflecte sobre a existência ou não da Operação Condor, um plano secreto das ditaduras sul-americanas de repressão que vitimou mais de 60 mil pessoas nos anos 70.

O conceito de “fontes oficiais” é novamente o centro dos anúncios, colocando em causa a credibilidade das versões que negam a existência da Operação Condor.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...