Facebook vai levar realidade virtual para os browsers

As aplicações não têm de ser a única casa dos sistemas de realidade virtual. Pelo menos, é nisso que acredita a Oculus, detida pelo Facebook, ao apresentar um browser dedicado a este tipo de tecnologia. Chama-se Carmel e terá disponível uma versão de teste em breve para todos os dispositivos Oculus.

Com o novo browser, os utilizadores vão poder navegar na Internet enquanto exploram as possibilidades da realidade virtual. Sem um browser como este, os utilizadores estão confinados às aplicações, que têm de ser obrigatoriamente descarregadas.

Na apresentação do Carmel, o co-fundador da Oculus Nate Mitchell levou a cabo uma demonstração em parceria com a Renault: através da Carmel, um potencial comprador pode sentar-se no lugar do condutor de um modelo da marca automóvel e experimentar, por meio de realidade virtual, as diferentes opções de customização. Nate Mitchell acredita que, eventualmente, todas as empresas terão experiências de realidade virtual para web assim como, hoje, têm websites e aplicações móveis.

O Carmel é o browser que permite acelerar esse processo, oferecendo a estrutura necessária para que os utilizadores possam aceder às experiências de realidade virtual das marcas e negócios. Isto desde que possuam ou tenham forma de chegar até um dispositivo Oculus.

O lado social não foi esquecido

A Oculus anunciou também estar a desenvolver uma experiência social que funcionará como uma espécie de rede social: aqui, os utilizadores são representados por avatares e podem jogar jogos como xadrez, de acordo com a AdAge. Para já, as sessões estão limitadas a grupos de até oito pessoas mas a ideia será adicionar mais utilizadores à conversa.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Tem problemas com a entidade empregadora? Fique a saber onde os pode resolver
Automonitor
Elon Musk e os problemas com as janelas dos carros