Facebook proíbe venda privada de armas

O debate polémico em torno da legalização da posse de arma nos Estados Unidos da América teve pelo menos uma consequência a nível global. O Facebook decidiu proibir a venda privada de armas através da rede social e do Instagram, seja qual for o país em que a mesma ocorra.

A informação avançada pela Reuters indica ainda que a venda por parte de retalhistas licenciados não é afectada pela medida, pelo que poderão continuar a anunciar os seus artigos tanto no Facebook como no Instagram.

Em Março de 2014, o Facebook já tinha implementado o mesmo tipo de regras relativamente à venda privada de artigos farmacêuticos, marijuana e outras drogas ilegais.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
A sua empresa pode fazer sorrir crianças hospitalizadas. Saiba como.
Automonitor
Novo Alpine A110S pronto para encomendar em Portugal