Facebook Portugal quer duplicar investimentos das marcas

face_2Duplicar os investimentos locais. Este é o objectivo do Facebook para Portugal que, apesar de não prever a abertura de um escritório local pelo menos no próximo ano, tem desde Fevereiro Paulo Barreto (ex Google) à frente das operações para o mercado português. Para já, o trabalho de Paulo Barreto é precisamente esse: explicar às empresas que muito mais importante que ter fãs é desenvolver verdadeiras acções de marketing capazes de conquistar e fidelizar clientes. E, claro, vender. «Estamos a tentar que as marcas abandonem a conversa dos fãs», diz sublinhando que em média só 16% dos fãs é que vêem posts das marcas.

Com 1.1 biliões de utilizadores a nível mundial, em Portugal o Facebook responde por uma comunidade de 4 milhões de utilizadores activos, sendo «o site onde os utilizadores passam mais tempo», acrescenta. Mais ainda, e segundo Paulo Barreto, o Facebook não só tem awerness e utilizadores como «está presente em diferentes plataformas e consegue segmentar campanhas de forma precisa e direccionada».

Depois do formato publicitário lançado recentemente, o News Feed Ad, o Facebook tem neste momento outras ferramentas ao nível de publicidade e marketing que Paulo Barreto acredita serem relevantes para ajudar as empresas presentes no mercado português. E é precisamente esse trabalho que levará a uma duplicação dos investimentos locais a breve prazo.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
7 formas para se voltar a apaixonar pelo seu trabalho
Automonitor
História: O dia em que o Papamóvel foi salvo