Facebook já está a testar anúncios no meio de vídeos

O Facebook está determinado em conceder aos anunciantes novas formas de monetização, especialmente no que respeita a conteúdos de vídeo. É por isso que está a avançar com o projecto Ad Breaks e a expandi-lo ao Facebook Live e a um número mais alargado de perfis e Páginas, nos Estados Unidos da América.

Os Ad Breaks são anúncios publicitários transmitidos no meio de um vídeo publicado por um utilizador do Facebook. Assim, se estiver a ver a emissão em directo de um amigo, por exemplo, poderá ser interrompido por um anúncio, mas apenas se quem estiver a transmitir permitir.

O responsável pela emissão tem o direito de escolher se quer ter anúncios ou não durante o Live Video, sendo que receberá uma parte da receita caso aceite. Os anúncios têm uma duração máxima de 15 segundos e apenas são propostos a perfis ou Páginas com pelo menos dois mil seguidores e que tenham alcançado uma audiência de 300 pessoas numa emissão recente.

Os Ad Breaks só podem surgir nas emissões em directo caso o vídeo já tenha mais de quatro minutos. Depois disso, são necessários cinco minutos antes de um novo anúncio.

O Facebook revela ainda que começou a testar os Ad Breaks em vídeo on-demand na rede social, contando com uma pequena rede de parceiros nesta experiência para já. Neste caso, os publishers vão poder adicionar anúncios a vídeos que já tenham carregados no seu Facebook.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Esta ferramenta promete vir revolucionar a Segurança e Saúde no Trabalho
Automonitor
Está grávida? Veja o que deve (e não deve) fazer se for conduzir