Esta cerveja é feita a partir de água dos esgotos

Além de poupar água, reutilizar também deve ser palavra de ordem. A Tejo Atlântico segue essa máxima ao desenvolver uma cerveja produzida a partir de água reciclada, ou seja, proveniente dos esgotos: chama-se VIRA e tem como objectivo “virar” mentalidades e a forma como se usa a água.

Segundo a Tejo Atlântico, esta água recebe tratamento adicional (nomeadamente, osmose inversa) de modo a estar nas condições ideais para a produção de cerveja artesanal. O passo seguinte é dado pela Cervejeira Cerlinx, produtora responsável também pela cerveja Lince e que assumiu o desafio de criar esta nova referência.

E são duas as variedades disponíveis. A VIRA Blonde é de estilo belga, fresca, dourada e, de acordo com a Tejo Atlântico, fácil de beber. A VIRA American IPA, por seu turno, é uma India Pale Ale – como o nome sugere – com quatro lúpulos americanos na lista de ingrediente. São eles os responsáveis pelo intenso aroma frutado e pelo sabor amargo.

A VIRA conta ainda com a Moinhos Água e Ambiente como parceira, empresa que assegura o tratamento complementar da água+ – nome dado à água reciclada pela Tejo Atlântico e que pode ser utilizada para fins industriais e agrícolas, regas e lavagens de ruas, por exemplo.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Airbus vai ter open day. Há 90 vagas para fábrica portuguesa
Automonitor
Nissan LEAF em modo drift