Empresa portuguesa gere bilhética de transportes públicos suíços

tpg_2A consultora tecnológica Link vai gerir o novo sistema de bilhética da TPG – Transports Publics Genevois, a empresa pública suíça de transportes públicos, dentro da cidade de Genebra e nas suas zonas suburbanas.

A TPG possui cerca de 1400 funcionários e fornece 93% do serviço público de transportes dentro da cidade de Genebra e arredores suburbanos. Com uma frota constituída por 345 veículos, serve uma população com cerca de 453 mil habitantes.

A consultora portuguesa será responsável pela renovação da plataforma tecnológica do actual sistema de venda de bilhetes, passes e gestão de clientes da TPG, usando tecnologia própria. “A evolução tecnológica do seu sistema de bilhética vai permitir à TPG suportar novas necessidades de negócio, para servir melhor os clientes individuais e empresas, passando o sistema a funcionar numa plataforma aberta e totalmente virtualizada, com níveis de redundância que oferecem uma alta disponibilidade e elevada tolerância a falhas”, garante a Link em nota de imprensa.

O serviço prestado pela empresa portuguesa inclui ainda uma nova versão de pagamentos electrónicos integrados no sistema de bilhética, passando a TPG a ter uma visão integrada de todos os pagamentos, em tempo real.

Em Portugal, e também na área dos transportes públicos, a Link já havia sido uma das empresas responsável pelo desenvolvimento do projecto Lisboa Viva, que acabaria por ser exportado para as redes de transportes públicos na Bélgica, Israel e Suíça. No mercado suíço, a companhia possui ainda clientes como os CFF/SBB (comboios nacionais), T-L em Lausanne, TPF em Fribourg e CarPostal/PostAuto (autocarros).

Além da Bélgica, Israel e Suíça, a empresa portuguesa já desenvolveu projectos para Cabo Verde, Canadá, Espanha, França, Irlanda, Luxemburgo, Marrocos, Moçambique, Malta e São Tomé e Príncipe. Possui escritórios no Brasil, Espanha e Angola.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Outubro 2019
Automonitor
Já viu o novo ultracompacto 100% elétrico da Toyota?