É mais difícil encontrar o Wally ou mulheres?

A DDB Dubai desenvolveu uma interpretação moderna do desafio “Onde está o Wally?”, em que o rapaz de camisola às riscas brancas e vermelhas é substituído por mulheres. O resultado é uma campanha para a Organização Mundial das Nações Unidas (ONU), criada em parceria com os ilustradores japoneses IC4 Design.

O objectivo é mostrar como o número de mulheres no mundo do trabalho ainda é reduzido, especialmente em países como o Egipto, onde apenas 23% da força laboral é composta por mulheres. O exemplo do Egipto é dado pela ONU por ser um dos países com quotas femininas mais baixas do mundo.

Segundo o site Mas, a campanha está a ser publicada em revistas e representa três sectores em expansão e que são dominados por homens: tecnológico, científico e político. “Encontrar mulheres não deveria ser tão difícil. Trabalharemos juntos para uma representação igualitária no local de trabalho”, referem os anúncios.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
A sua empresa pode fazer sorrir crianças hospitalizadas. Saiba como.
Automonitor
Novo Alpine A110S pronto para encomendar em Portugal